Birras… truques que podem salvar o dia

Standard

BirrasDicas Naturais para lidar com Birras

– Em caso de birras muito frequentes, consulte um profissional de saúde para verificar se está tudo bem com a criança.

– As birras regulares são geralmente um modo de chamar a atenção. Tente dedicar mais tempo ao seu filho e seja paciente. Por exemplo, brinque com ele, faça-lhe uma massagem relaxante, conte-lhe uma história ou ajude-o nos trabalhos para casa. Averigue se há algo de errado a nível escolar ou familiar, ou se há alguma sobrecarga de atividades que perturbe o bem-estar da criança.

– Elogie o seu filho sempre que este se esforçar por gerir as suas emoções de uma forma controlada. As crianças aprendem mais facilmente pelo reforço positivo. Já se perguntou quantas vezes ao dia elogia o comportamento ou o trabalho ou os desenhos ou as histórias ou o sentido de humor do seu filho? Quantas vezes ao dia demonstra interesse pelo mundo do seu filho? Recorde que as crianças necessitam de apoio, afeto e de se sentirem seguras.
– Nunca diga a uma criança que ela é má, apenas que o seu tipo de comportamento não é o mais adequado. Esta atitude permite que a criança aprenda de um modo positivo não criando associações negativas na sua mente.

– Certifique-se que a criança vive num ambiente familiar harmonioso e tranquilo. A disciplina deve ser coerente e consistente mas transmitida de uma forma amável e firme. A falta de consistência apenas contribui para que a criança fique confusa, sem entender qual o comportamento correto a adotar. Por exemplo, se a mãe diz uma coisa e o pai outra ou se explicar à criança que se deve comportar de um certo modo e aceitar outro tipo de conduta quando esta está na casa dos avós ou quando vai a um restaurante, apenas estará a contribuir para instaurar a desordem.

– Aprenda a entender o seu filho. Se sente que a criança está com fome, muito cansada, aborrecida ou frustrada, atue antes que a birra estale. Como exemplo, leve os lápis de cor e desenhos para pintar enquanto espera a comida num restaurante, certifique-se que a criança dorme uma sesta antes de levá-la a passear, dê-lhe de comer antes de ir às compras num supermercado ou evite levá-la consigo às compras se esta rotina implica habitualmente momentos de tensão. O segredo é estar preparado e prevenir as birras.

– Não ceda à birra. Conceder o que a criança queria desde o princípio apenas lhe vai causar mais problemas no futuro já que ela sentirá que tem poder e terá dificuldade em entender o papel de guia dos pais. Ordenar que a criança se cale ou pare de chorar raras vezes dá os resultados esperados. No entanto, em vez de simplesmente negar o seu capricho, espere até a birra acabar para explicar-lhe por que motivo o seu modo de atuar não tem fundamento nem é o mais adequado e como podia ter evitado a birra se tivesse reagido de outra forma. Como opção, tente distraí-la de modo a que esqueça o motivo da birra. Mantenha um tom de voz calmo e amável, mas firme.

– Reserve um espaço da casa em que a criança possa ser criança: brincar, pintar, desarrumar, sujar-se.

– Informe a criança do que planeou para o dia de modo a que esta não seja apanhada de surpresa e explique-lhe que tipo de comportamento se espera para cada situação.

– Tanto a criança como os pais devem aprender alguma técnica de relaxamento como meditação anapana, respirações profundas, ioga ou visualização, de modo a saber gerir o stress e ansiedade inerentes a estas situações. Para atingir bons resultados, estas técnicas devem ser praticadas a nível diário, durante 10 – 20 minutos, numa atmosfera relaxante.

– Tente fazer um jogo à volta das coisas que a criança não gosta em vez de criar um campo de batalha (ex. conte-lhe uma história enquanto lava a cabeça).

– A prática regular de exercício físico contribui para o bem-estar geral do organismo. Sempre que possível, pratique exercício com o seu filho ao ar livre, em contacto com a natureza.

– O sono reparador é essencial para a saúde do sistema nervoso. Certifique-se que o seu filho dorme o suficiente e que tem um sono de qualidade.

– Lembre-se que as crianças frequentemente imitam os pais, como tal, dê o bom exemplo e viva uma vida saudável, sem tensões, atuando de forma ponderada e serena.

As essências de flores, como os Florais de Bach, podem ajudar a estabilizar as mudanças de humor.

Para remédios naturais para esta queixa, consulte a rubrica Birras, do Guia de Remédios Naturais para Crianças.

Sofia

Autora:
Guia de Remédios Naturais para Crianças
Guia de Remédios Naturais para Mulheres
Guía de Remedios Naturales para Niños

FACEBOOK: Guia de Remédios Naturais

BLOG: SoPro Verde

GOODREADS (perfil de autora): Sofia Loureiro

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s