desintoxicar o organismo: porquê, quando e como, dicas naturais

Standard

Em terapias naturais, considera-se que uma toxina é uma substância prejudicial ao bom funcionamento do organismo, de origem natural ou artificial.

A acumulação de toxinas no organismo pode manifestar-se de diversas formas como fadiga crónica, falta de concentração, problemas inflamatórios, dores de cabeça, quistos, distúrbios digestivos, problemas dermatológicos ou até desordens mais graves.Estas substâncias podem ter origem externa – nos alimentos que ingerimos (ex. resíduos de pesticidas nos alimentos oriundos de agricultura convencional, aditivos prejudiciais dos alimentos industriais, vestígios de hormonas e antibióticos da criação de animais), na água que bebemos, no ar que respiramos, nos produtos de limpeza ou naqueles aplicamos na pele – ou interna, através de processos metabólicos como a respiração e a digestão.

A primeira medida para 
reduzir o nível de toxinas 
passa por evitá-las!

Assim, devemos recorrer a uma alimentação o mais natural possível, baseada em alimentos simples e biológicos, selecionar produtos de cosmética natural ou com baixo teor de substâncias tóxicas ( evitando os habituais parabenos, ftalatos, triclosan, e outros mais, presentes nos produtos convencionais) e usar produtos naturais para as limpezas (ex. limão, vinagre, bicarbonato de sódio).

Adicionalmente, o exercício físico, o sono reparador, as massagens, as respirações profundas, os banhos com sais, a sauna (sempre que não haja contraindicações), as escovagens de pele e beber líquidos com frequência (como água pura ou filtrada, infusões de plantas, sumos naturais de vegetais, batidos verdes), permitem estimular os mecanismos de limpeza interna.

Existem diversos programas de desintoxicação, os quais podem variar de duração e intensidade.

De um modo geral, um plano de 3 – 7 dias pode conceder um descanso ao aparelho digestivo de modo a reforçar a limpeza natural do organismo. Nos primeiros dias podem surgir sintomas como dor de cabeça, irritabilidade, congestão nasal, erupções cutâneas, entre outros, devido ao aceleramento do processo de eliminação.

Recorde que o único modo de colher os benefícios de um programa destes na sua totalidade, é continuar a seguir hábitos de vida saudáveis após o período de desintoxicação ter terminado. Caso contrário, o corpo voltará a acumular toxinas sem ter a possibilidade de reduzir efetivamente as armazenadas.

Habitualmente, uns dias antes do início do programa de limpeza, aconselha-se a eliminação, ou redução para níveis mínimos, de açúcares refinados e derivados, sal, café, álcool, tabaco, alimentos industriais e produtos animais.

De seguida, os dias de desintoxicação são baseados no consumo de fruta e vegetais crus ou cozidos ao vapor. As bebidas incluem água pura ou filtrada, infusões de plantas (ex. dente de leão, cardo mariano, boldo) e sumos naturais. Os sumos devem ser feitos com uma mistura de fruta e vegetais, de modo a diminuir a carga de açúcar presente na fruta. Os caldos caseiros de vegetais também são uma boa opção.

Depois do programa terminar, os outros grupos de alimentos são reintroduzidos de forma gradual na dieta alimentar, tendo o cuidado de selecionar opções saudáveis.

As mudanças de estação são uma boa época para fazer um 
plano de desintoxicação.

Consulte o seu terapeuta natural ou outro profissional de saúde, antes de se submeter a um programa de desintoxicação de modo a esclarecer as suas questões.

Dicas para um organismo (mais) limpo e equilibrado:

• Mantenha um estilo de vida saudável de modo a recolher os benefícios do programa de desintoxicação.
• Adapte o programa de desintoxicação ao seu ritmo e necessidades.
• Seja consciente nas suas escolhas alimentares.
• Evite alimentos que lhe provocam sensibilidade alimentares.
• Mastigue muito bem a comida.
• Os alimentos crus devem constituir 50 – 70% da dieta alimentar, caso não haja problemas de intolerância.
• Evite situações de stress sempre que possível.

Extraído do Guia de Remédios Naturais para Mulheres

Sofia Loureiro

Escritora & Terapeuta Natural

Autora:
Guia de Remédios Naturais para Crianças
Guia de Remédios Naturais para Mulheres
Guía de Remedios Naturales para Niños

Consultas de: Naturopatia Integral, Auriculoterapia

Plataforma de Autora:

Vida Natural :::: Facebook pink Guia de Remédios Naturais  blog blue SoPro Verde

Escrita ::::: Facebook pink Escrita com Letras  blog blueEscrita com Letras

GoodReads: goodreads Sofia Loureiro

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s